Murilo Gun

Admmauro Gomes

Quem está online

Temos 6 visitantes em linha

Assista

Siga-nos



U(POEMA) PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Administrator   
Quinta, 23 Novembro 2017 23:55

Turbas urbanas abandono

busco das agrárias nascentes

demônios rurais

aos seios compassivos

das camponesas indecorosas vou.

 

Turras da cidade abomino

abomino avenidas lotadas

detesto aromas ruarentos

metropolitanos odores maus

de ataduras sem ventre

a dinastias cavalcantis vou.

 

Vou à busca nu campo do púbis da distância

estrada sorrateiro sigo

abdome de uma pereira procuro

graveto que ama o fogo é meu amigo.

Vou ao agreste de mim

na direção do frágil e da verdade.

 

A chusmas de pássaros oferecer

meu peito casto, minha ilusão valente

o milho de minha fantasia

a água febril do meu delírio.

 

Se me perguntarem amanhã

pelos ofícios matinais e primícias

darei meu nome como resposta

 

se me perguntarem pelas arruaças dos ricas

pelos caminhos maltrapilhos das metrópoles

distribuindo intrigas, amoedando usuras

 

direi que conheço apenas minha floresta.

 

ou a esquina de minha aldeia tão modesta

 

e que pasço os dias a ouvir

relatos de arroios

cochilo das sementes

rumor azul de messes

impaciente fluir de fontes

(a meus pés depostas)

a modo de córrego indolente

e às ribeiras de meu outubro subo

o naipe dos meses desesperados traço

e zodíacos entristecidos

e calendários engalanados

de tristes datas

em regozijo ao debacle da utopia.

 

A noites ouvir lua tocar cítara

com dedos de carícias

e fervores azuis irei

tocarei a sombra que foste

apalparei minha dor enorme

a me farei antigo como um ditirambo

ou o louro avulso de uma coroa transitória.

 

E fundarei repúblicas incoerentes

reinados sem ventre, impérios nus.

 

Findarei o poema convulso dizendo

felicidade consiste

em ver pastar bovinos na campina insone

sentir levezas do voo de borboletas no terraço da vida

olhar arrodear dos cálices flores

por abelhas no botim do néctar.

 

Comentar


Código de segurança
Actualizar