Murilo Gun

Admmauro Gomes

Quem está online

Temos 58 visitantes em linha

Assista

Siga-nos



Biografia PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Administrator   
Quinta, 20 Junho 2013 18:20

VITAL CORRÊA DE ARAÚJO - POETA

 

1 Escritor, jornalista, auditor do tesouro, bacharel em Direito (advogado), com curso de História e Filosofia (estágio de administração tributária na Alemanha e especialização sindical na Venezuela), professor do curso médio, conferencista, tradutor, especialista em Jorge Luís Borges.

 

 

DADOS BIBLIOGRÁFICOS

VITAL CORRÊA DE ARAÚJO, filho de Deográcia Cavalcanti de Albuquerque Corrêa de Araújo e Cláudio Corrêa de Araújo, neto do poeta Manuel Florentino Corrêa de Araújo (Juiz de Direito, formado na Faculdade de Direito do Recife – UR, em 1930), que, durante mais de uma década, uma vez por ano, a cada 20 de maio, fazia um soneto elegíaco, em memória dos fastos nefastos, ocorridos a 20 de maio de 1915, quando, do parto do primeiro filho – Cláudio – morreu a esposa – Sinhazinha (avó de Vital) – com apenas 16 anos; a propósito, a romancista, pesquisadora, memorialista e genealogista, psiquiatra e integrante do Instituto Arqueológico, Histórico e Geográfico Pernambucano, Dra. Maria Cristina Cavalcanti de Albuquerque em seu último romance, Luz do Abismo, tem, na trama, o personagem Maneco, em que retrata o poeta Manuel Florentino.

Pai de Cláudio Corrêa de Araújo Neto e Murilo Dantas Corrêa de Araújo (Murilo Gun, que, aos 13 anos, foi convidado ao programa de Jô Soares, como o garoto-prodígio da Internet e bi-campeão do Ibest, além de integrante do júri oficial, atualmente é ator e humorista, introdutor do stand-up comedy, no Norte/Nordeste).

Nasceu em Vertentes-PE. dos 18 aos 50 anos, foi Fiscal de Rendas (Auditor do Tesouro), exercendo cargo de Sub-Secretário da Fazenda, Chefe de Gabinete e Diretor da Receita nos estados do Amazonas e Rio Grande do Norte; foi Diretor e Chefe da Assessoria da Diretoria Geral da Receita, da SEFAZ-PE, durante 10 anos, com curso de especialização na Alemanha por três períodos, desde 1987. Foi Secretário Particular do Governador Lavoisier Maia, que é padrinho, juntamente com a ex-Prefeita do Natal e atual governadora do Rio Grande do Norte – Wilma de Faria –, do seu filho, Murilo Gun.

Ao longo de 10 anos, foi secretário geral da Associação dos Auditores Fiscais de Pernambuco, de que, nas últimas 4 eleições, tem sido designado para Presidente da Junta Eleitoral.

De 1990 a 1995, Secretário-Geral da FENAFISCO (Federação Nacional do Fisco), com sede em Brasília. Presidente (e fundador) da Cooperativa de Atividades Múltiplas – MILLENIUM, de 1998/2001, fundador e Diretor-Secretário do Instituto Brasileiro PRÓCIDADANIA (ONG), desde 1995. Presidente do Conselho de Recursos Fiscais do Estado do Rio Grande do Norte e Auditor Fiscal (julgador em 1ª instância de processos fiscais) no Estado do Amazonas. Instrutor de cursos de atualização fiscal nas Secretarias de Fazenda do AM, RN e PE (Administração Fazendária), bem como Diretor e Professor do Colégio do CNEG, em Santa Cruz do Capibaribe. Conferencista sobre matéria fisco-tributária nos estados de RN e AM, com várias plaquetas publicadas, além de trabalhos em revistas especializadas. Na área penal, atuou em júris populares, como advogado de defesa em Vertentes e Santa Cruz do Capibaribe e, nesta comarca, como Promotor ad-hoc, durante dois anos.

Obteve 1º lugar nos vestibulares de História, Filosofia e Direito, respectivamente em 1963, 1967 e 1970 e notas 10 em todas as matérias, nos dois primeiros anos, do Curso de Direito. Observe-se que em 1970, verbi gratia, o vestibular de Direito era estruturado em 21 provas (7 matérias), sendo 7 escritas e 14 orais.

Participou dos 3 Congressos Brasileiros de Escritores promovidos pela UBE em Pernambuco: o 1º, de 15 a 17/11/1995, como membro da Comissão Organizadora, e Coordenador Geral dos outros: o II, de 26 a 28/09/2000, e o III, de 25 a 28/03/2002 (no Recife Palace Hotel); do III Congresso, além de Coordenador-Geral, foi relator das atividades, conforme consta do Relatório de Execução, inserto às págs. 31/35, dos Anais, organizados e editados por equipe liderada pelo jornalista Hugo Vaz. Coordenou, também, a participação (curadoria literária) da UBE na 3ª Feira Internacional do Livro, de 20 a 27/10/2001, no Centro de Convenções de Pernambuco.

Integrou a delegação de PE, comandada por Paulo Cavalcanti, ao 2º Congresso Brasileiro de Escritores – São Paulo – 1985 (O 1º foi em 1945).

Foi curador das duas primeiras edições da Fliporto e Presidente da UBE-PE, por três mandatos.

 

ENSAIOS/LIVROS SOBRE O POETA (exemplificativo)

A Perversão Poética: entre a tradição e a invenção, do Prof. Catedrático da UFPE, Sébastien Joachim (apresentado no Plenário do III Congresso Brasileiro dos Escritos, no Recife Palace Hotel – Boa Viagem – Recife, em 27/03/2002). Tempo de Poesia (ensaio de César Leal publicado no 2º volume de Dimensões Temporais na Poesia – César Leal – Imago.

O destino poético de Vital Corrêa de Araújo – Sébastien Joachim. Edições Bagaço / Inst. Maximiano Campos – 2009.

 

LIVROS PUBLICADOS: TÍTULO PROVISÓRIO (Prêmio de Poesia Otoniel Menezes, da Prefeitura Municipal do Natal, o mais importante prêmio literário da época) Edição Fundação José Augusto – 1977; BUROCRACIAL (vários prêmios, inclusive prêmio ESCRITA de poesia – SP) Edições Pirata – 1982; POEMAS COM ENDEREÇO (antologia, com outros três poetas) Presença Poética Nordeste – 1985; GESTA PERNAMBUCANA (Prêmio Eugênio Coimbra Júnior, Conselho de Cultura da Cidade do Recife, 1985), (Prêmio Nacional, com a maior bolsa financeira do Brasil, integrando a comissão julgadora: Marcus Accioly, Pedro Lyra (UFRJ) e o Editor Cultural do jornal O ESTADO DE SÃO PAULO. Só às paredes confesso – edições BAGAÇO – 2006. Palpo a Quimera e o Tremor. Edições BAGAÇO – 2009.

CORAÇÃO DE AREIA (Prêmio da Academia Pernambucana de Letras) Edições Fundarpe – 1994; GIDE OU O DESEJO, edição particular, fora de comércio 1995; AS FLORES DA URBE (Prêmio Edson Régis – PEN Clube do Brasil – Recife, 1986 – Edição Particular, fora de comércio – 30 exemplares – 1990; A CIMITARRA E O LUME – Edição Particular. Títulos inéditos: LANCE DE BÚZIOS, SOS ESPERANÇA, HAICAIS HETERODOXOS, SIMULACRO, DIATRIBE, FALO, FLAUTA DE PÁSSARO, DIVA ODE AO VINHO (Prêmio BANDEPE/2002 de Poesia, bolsa financeira de R$ 10.000,00 (livre de impostos).

 

 

 

PUBLICADO EM ANTOLOGIAS (exemplificativo)

  • Nova  Poesia Brasileira – Org. Olga Savary – Editora Imago – RJ, 1991.
  • Antologia Poética Prêmio Scortecci de Poesia. SP. 1982.
  • Antologia Poética – Série Imprensa Pernambucana – organizada por Orismar Rodrigues – Editora Comunicarte – AIP. 1994.
  • Poesia Viva do Recife (homenagem aos 459 anos do Recife) – Edições CEPE, 1996.
  • The Poetry – Org Teresinka Pereira / Boulder – Colorado / USA
  • Clube dos 13 – Poemas de Circunstância Volumes I, II e III Edições Pasárgada / FUNDARPE – 1994 (Seleção de 30 poemas de cerca de 300 elaborados em guardanapos em mesas de bares ao longo de 10 anos, com Edgard Powell e outros).
  • A Fotografia e seu Poema – Exposição 1989 (Flávio Azevedo).
  • A Pintura e a Poesia – Exposição – Ana Montenegro, 1989.
  • Coletânea Poesia e Pintura POETAS DA RUA DO IMPERADOR, 1987. Organizada por Vital Corrêa de Araújo (Fundador do Movimento, com Iran Gama e Paulo Bandeira) e outros.
  • 46 Poetas, Sempre Org. Almir Castro Barros, por delegação da UBE), Edições Bagaço, 2002 – IIII Congresso. Recife Palace Hotel.
  • Espiral Revista de Literatura, Editor João Dummar Filho, 2002 – Ceará.
  • Álbum do Recife (organizado por Jaci Bezerra) – 450 anos de fundação da Cidade do Recife – Prefeitura do Recife (tendo o poema Recife do Povo ilustrado pelo pintor João Câmara) – 1987.
  • Poèsie du Brésil, organizada pela poeta e tradutora Lourdes Sarmento, edição bilíngüe da Editora Varicuetos/Chemins Scabreux, Paris – 1997.
  • Mormaço e Sargaço (poesia) 1998; Poemas de Sal e Sol (poesia) 1999, organizadas por Benito Araújo.
  • Água nos Trópicos – Poetas Contemporâneos, organizada por Lourdes Sarmento e Beatriz Alcântara, dentro do projeto literatura nos trópicos – Editora Bagaço e Governo do Ceará – 2000.
  • Antologia de Poetas Nordestinos – Organizada por Benito Araújo – Edições Micro/2000.
  • Fauna e Flora nos Trópicos. Seleta de Poemas. Beatriz Alcântara e Lourdes Sarmento (organizadoras) Secretária da Cultura e Desporto do Estado do Ceará (SECULT) Fortaleza – 2002.

Diário do Natal (RN)

Suplemento Cultural – Diário Oficial de PE.

 

 

ACADEMIAS / ASSOCIAÇÕES

 

  • Academia de Letras e Artes do Nordeste Brasileiro, tendo como patrono de sua cadeira (por escolha própria) o Poeta Paulo Bandeira da Cruz.
  • Associação de Imprensa de Pernambuco (como membro titular).
  • PEN Clube do Brasil (Secção de Pernambuco), exercendo atualmente o cargo de Primeiro Secretário.
  • UBE-PE, tendo exercido o cargo de Diretor de Imprensa e Diretor-Secretário na gestão de Paulo Cavalcanti, quando reabriu a UBE, em 1984, fechada há mais de 20 anos pela ditadura de 64; o de Tesoureiro, já por sufrágio, na 1ª eleição (25.12.1984), após o ressurgimento da UBE, em que Paulo Cavalcanti foi eleito presidente, e Diretor e Administrador Geral desde 1995, tendo, como presidente, Flávio Chaves. Desde 17.01.2003, é o Presidente da UBE.
  • Diretor Administrativo da AIP.

 

Prêmio com bolsa financeira

Jornal da Cidade de Bauru-SP, 1976.

UBE-GO – Concurso CIAASA Poemas de Amor (1984)

Revista ESCRITA-SP – 1984; Prêmio Otoniel Menezes, da Prefeitura do Natal – 1977; Prêmio Eugênio Coimbra Júnior, do Conselho Municipal de Cultural, da Prefeitura da Cidade do Recife – 1985; Academia Pernambucana de Letras – 1994 / 2000 / 2007.

PEN CLUBE DO BRASIL – Secção de Pernambuco – Prêmio Édson Régis – 1986 – Prêmio BANDEPE de Poesia 2002 (Valor líquido da bolsa: R$ 10 mil) entregue em solenidade no Arcádia Apipucos, em 21/03/2002.

 

CONFERÊNCIAS

  • Conferencista do painel coordenado pelo advogado Urbano Vitalino, em que discorreu sobre o tema POESIA: O Mistério da Palavra, ao lado do poeta Carlos Nejar, no dia 24/10/2001, na 3ª Feira Internacional do Livro.
  • Palestra sobre poesia em evento cultural do SINDIFISCO, em Recife (1998).
  • Palestra sobre poesia em evento cultural da Secretaria da Fazenda. (1997).
  • Explanação sobre poesia para 35 alunos do curso primário do Colégio São Luís (sede da UBE) / 1999.
  • Palestra sobre Poesia Moderna, em várias instituições.
  • Palestra sobre Poesia Pernambucana, em Dusseldorf (Alemanha) 1987/1999.
  • Palestra sobre Poesia Brasileira; em Caracas (Venezuela) na Livraria El Ateneu, (Teatro Colón) em 1996.
  • Palestras como Presidente da UBE em eventos diversos, congressos, festivais, como Flig e Fliporto.

 

INTEGRANTE DE COMISSÃO JULGADORA DE CONCURSOS

Prêmio CETEPE de Poesia (com Paulo Bandeira da Cruz e Iran Gama).

Prêmio Otoniel Menezes, da Prefeitura Municipal do Natal, 1978.

Prêmio Eugênio Coimbra Júnior, da Prefeitura da Cidade do Recife – 2002.

(com Marcus Accioly e Alexei Bueno); em 2003 (com Marco Lucchesi), em 2005/2006/2008

Biblioteca Pública de Afogados (2002), com Lucilo Varejão Neto e Heloisa Arcoverde. E em 2004 e 2005.

Prêmio Carlos Pena Filho, do Bar Savoy e Commercio Cultural, com Marco Pólo e Bezerra de Lemos, entregue no lançamento do Livro de Carlos, de Edilberto Coutinho.

Concursos literários da SEFAZ-PE, UBE e Diário da Manhã (do qual foi editor por 3 anos do caderno cultural).

ENCICLOPÉDIAS / DICIONÁRIOS / INSTITUIÇÕES

Integra:

  • Enciclopédia de Literatura Brasileira, de Afrânio Coutinho e J. Galante de Souza (1ª edição) e Atual edição (Global Editora 2001), revista, ampliada e atualizada por Graça Coutinho e Ria Moutinho.
  • Sociedade Brasileira de Língua e Literatura (Leodegário A. de Azevedo Filho).
  • Dicionário Bibliográfico de Poetas Pernambucanos, organizado por Lamartine Morais – Fundarpe, Recife/1993.
  • Membro-Correspondete da Revista ELAN (Poétique, Littéraire et Pacifist), editada por Louis Lippens, há 50 anos, sendo o único representante brasileiro desde 1987, ao lado de outros de 71 países.
  • Foi correspondente do lendário jornal alternativo Nação Cariri, editado no Ceará, pelo poeta Rosemberg Cariri.
  • Foi Primeiro-Secretário (em 2001) do Rotary Santana, (Recife), de que foi fundador.
  • Curso de Aperfeiçoamento na Alemanha (Renânia do Norte / Vestfália / Solingen / Dunsseldorf sobre Sistema de Arrecadação – Jun/Out, 1987).
  • Curso de Aperfeiçoamento (Política e Realidade Sindical Latino-Americana) na UTAL – Universidade dos Trabalhadores da América Latina, da CLAT – Central Latino-Americana de Trabalhadores, no período de 07 a 27 de abril de 1991 (Caracas – Venezuela).
  • Curso de Aperfeiçoamento na Alemanha, na Escola Fazendária de Haan / Renânia do Norte / Vestfália, sobre Inteligência Fiscal – 1995.
  • Liderou grupo de 30 brasileiros e foi Instrutor em curso de Sindicalismo Moderno, na UTAL / CLAT, San Antonio de los Altos – Venezuela, 1996.
  • Liderou grupo de 50 Auditores Fiscais de 16 estados brasileiros, que participaram de curso na Alemanha (Escola Fazendária de Haan, Renânia do Norte-Vestfália), de 20/08 a 15/09/1999.

 

 

HOMENAGENS / COMENDAS / DIPLOMAS

ASCDESF – Associação Sócio-Cultural dos Docentes do Ensino Superior da FUNESO.

 

“Poema esculpido no pedestal da estátua de Augusto dos Anjos, juntamente com poemas de Marcus Accioly e Mauro Mota (o último que ele criou), que está ereta na Praça da República e foi obra de Abelardo da Hora e Luiz Pessoa.

 

UBE – RJ

UBE – São Paulo

Comenda do Governo do Estado de Pernambuco e do Gabinete Português de Leitura.

 

 

atualizado em Quinta, 20 Junho 2013 19:11