Murilo Gun

Quem está online

Temos 11 visitantes em linha

Enquete

O que você achou do nosso site ?
 

Assista

Parceiros

Admmauro Gomes

Siga-nos

Textos Agrestes



PoesiAbsoluta
LUAL ALPINO OU NAUFRÁGIO DA AURORA PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Administrator   

Luas de lobo dos crescentes sábados

uivam das veias e covas de Caracas

grassam por tímpanos e sandálias

 
HOMENAGEM À CORRUPÇÃO LEGITIMAMENTE BRASILEIRA PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Administrator   

Usina VCA propõe que os nossos poetas pátrios elevem odes, ditirambos, cantos, epinícios, cordéis, epopeias e líricas estrofes a Nossa Senhora monetária corrupção brasileira.

 
PREVISÃO DEFINITIVA PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Administrator   

Enquanto textos de poesia forem selecionados para escolas ensino e aprendizagem de acordo com a gramática leve ou profunda,

 
REAÇÃO ATIVA PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Administrator   

É urgente o processo de ampliar a suficiência da linguagem verbal, do universo da ação poética, no sentido de abranger um campo maior

 
SONHO DE CERA PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Administrator   

(Como cera sustentando sonho de Icaro)

luz esquálida e total derramada

da bacia inerte do planeta

 
DESESPERO DE PAZ PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Administrator   

Em toda a vasta antiguidade, levada pelos ventos mediterrâneos, ressoava a má nova e, respeitosos, gregos e romanos ouviam, impassíveis e doloridos,

 
FECALART PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Administrator   

ARTE ENTÉRICA ORIGINAL

É a nova forma e úmida d’arte.

Artista de obra fecalítica é novo e arde. FECALART é arte expressiva

 
NÃO MATAR PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Administrator   

Este é um conto inficto ou metaficto, pois é a realidade imitando a ficção, a vida copiando a arte-literária. In casu, a questão da exigência de Deus. Abrindo parênteses,

 
TEXTO ANTI PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Administrator   

Este texto escrito do pântano, dos brejos de Água Preta, à madrugada de 17 a 18/12/2015, trata da carência que enfermiza

 
PANORAMA DESATUAL PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Administrator   

Ao humanismo apocalíptico de Blake

 
EU POÉTICO PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Administrator   

O professor Admmauro Gommes sabe bem - e me instruiu – a respeito do eu empírico, que difere do eu poeta.

 
TRÊS POEMAS DESIGUAIS PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Administrator   

Toda pedra é severa. Toda

navalha espanhola ou platônica.

 
ESPÍRITO A CAVALO DESFILOU EM JENA PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Administrator   

Na realidade, Hegel dissera: vi o absoluto do espírito humano desfilar num cavalo (branco), meio de locomoção nobre, à época.

 
RUMOR RUMORES PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Administrator   

Rumor contagiou de câmaras a tarde

declinada sobre os olhos do sono

a instigar íris mortíferas da noite.

 
APTO BRILHO PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Administrator   

Ela via muro saqueado de musgo

respiração do bolor, vândala

tibieza das coisas totalitárias (acerando o macio)

 
SOBRE VCA PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Administrator   

A cegueira do ego só permite ver a si mesmo e a seu umbigo óbvio e às grades do inferno vermelho.

 
MÁ MÚSICA PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Administrator   

Deus seria feito de monoaminas

é o que conclui cientista ianque meio ímpio.

A má música cria catarata no ouvido.

 
REVELAÇÃO PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Administrator   

Só existe o sexto sentido. Além do sétimo, o sentido do poema absoluto.

 
16 POEMAS DA PRODIGIOSA OU SIGILOSA DEMASIA PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Administrator   

(poemas inobjetivos de sentidos foragidos)

Da coletânea em formação A rigor

A poesia absoluta é uma religião

 
SARFICS PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Administrator   

Só contraditando o entendimento comum  surpreende.

 
O VERSO LIVRE COMO LIBERTAÇÃO DA POESIA PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Administrator   

É usual, em poesia, utilizar símbolos com o intuito (não a intuição mas o propósito deliberado, racional) de dizer algo referindo-o indiretamente via simbologias.

 
<< Início < Anterior 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 Seguinte > Final >>

Pág. 22 de 62

INFORMA DIGITAL

Revista Urubu

Singular

Papel Jornal

Jornal O Monitor

Instagran Usina VCA