Murilo Gun

Quem está online

Temos 22 visitantes em linha

Enquete

O que você achou do nosso site ?
 

Assista

Parceiros

Admmauro Gomes

Siga-nos



POESIA NÃO É COISA SÉRIA PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Administrator   

Não poetizamos jamais o mundo ou as pessoas

gestos, ações ou encantos do corpo

poetizam-se palavras

(não é o homem criador é o verbo)

ou poetizamo-nos através delas

(independente da ideia ou de sua sombra)

 

e através das palavras generosas

de suas espessuras e sais de metáforas

poetizamos pessoas, situações

animais, objetos, vazios, vastidões e gestas.

 

Os que tentam a poesia se desesperam

fracassam, dançam, ficam

no limbo ou no vácuo dispersos

horrorizados porque a poesia é intratável

inseduzida, não admite tentação.

 

Porque têm horror ao absoluto fracassam.

 

Comentar


Código de segurança
Actualizar

INFORMA DIGITAL

Revista Urubu

Singular

Papel Jornal

Jornal O Monitor

Textos Agrestes