Murilo Gun

Quem está online

Temos 12 visitantes em linha

Enquete

O que você achou do nosso site ?
 

Assista

Parceiros

Admmauro Gomes

Siga-nos



POESIA ABSOLUTA - FORMA PURA PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Administrator   

O certo é que o tempo e o homem impuseram uma forma pura (mescla de estilos e cômputo de respirações) à poesia,

que é o real barro da palavra. E esse estado definido adveio do cerne e da veia de toda a impureza possível por que passou a palavra poética, submetida a pranto, trapo, crise, emenda, máscara e rosto.

 

Uma das exigências maiores para a poesia alcançar o estádio da pureza, além de ter sido submersa (de torso e alma) a todo possível poço ou banho ou feita de impureza, é ter adquirido o estágio (ou estado) de autonomia (que inclui heteredoxia). Ser autônoma é chegar ao estado final da heteronomia. Não é simplesmente desprezá-la ou se deseteronomizar. Objetivo ou não objetivo não interessa ao ser da poesia.

 

Comentar


Código de segurança
Actualizar

INFORMA DIGITAL

Revista Urubu

Singular

Papel Jornal

Jornal O Monitor

Textos Agrestes