Murilo Gun

Quem está online

Temos 13 visitantes em linha

Enquete

O que você achou do nosso site ?
 

Assista

Parceiros

Admmauro Gomes

Siga-nos



SOCRÁTICA ESCAVAÇÃO PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Administrator   

A escavar Sócrates com buril platônico

é meu ofício e minha intempérie pura.

Menires, dolmens, escavações, hipotálamos

cornijas frescas, frontões macios

soclos, estelas, amurados, sombras.

 

Horizontes sobre horizontes

pedra sobre pedra

pó sobre pó, sobretudo pó

é o que restará.

 

Muro ou página (brancos ou não)

é o com que se depara poeta.

 

Estanho é uma ópera de pedra

 

Poeta opera ao inverso do verbo.

 

Persianas, gelosias, janelas de olhar a alma.

 

Comentar


Código de segurança
Actualizar

INFORMA DIGITAL

Revista Urubu

Singular

Papel Jornal

Jornal O Monitor

Textos Agrestes