Murilo Gun

Quem está online

Temos 15 visitantes em linha

Assista

Admmauro Gomes

Siga-nos



poemas2
POEMA ÀS VEZES PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Administrator   
Segunda, 21 Janeiro 2019 20:08

Às minhas concupiscências todas, dedico.

É apropriado que faleçamos quando

despenca uma vertigem e a alma embote.

 
O RIO LENTO E VORAZ DO TEMPO PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Administrator   
Segunda, 21 Janeiro 2019 19:59

A água ou não horária (o rio ou não cavalo)

solta-la para que não assolo a aura

(de lento), a sala intemporal da alma

 
À UNÇÃO DO SONO PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Administrator   
Quarta, 16 Janeiro 2019 23:36

Toda a maníaca claridade

luz louca inesgotável.

O segredo das dobras do céu.

 
SITUAÇÃO HIC ET NUNC PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Administrator   
Quarta, 16 Janeiro 2019 23:33

Todo o profundo e faminto oeste

a engolir a luz.

Tudo o que fezes não faças, farás.

 
MENASSÉS CULTIVA A CÓLERA ENTRE OUTRAS ERVAS DANINHAS PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Administrator   
Sexta, 11 Janeiro 2019 21:01

Menassés (fruto de Ezequias e Hefzabá)

era ímpio, vil irmão do ouro, primo da vesânia.

Idólatras altares bem alto ergueu

 
<< Início < Anterior 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 Seguinte > Final >>

Pág. 14 de 20