ESTRELAS DESCALÇAS DA CALÇADA Versão para impressão
Escrito por Administrator   

Gumes agrários.

Vasilhas de sal dissolvidas.

Limites são impotentes.

Toda cor é fúnebre.

 

Esperança cinza.

Leveza

Toda a leveza do amanhecer de pássaros.

 

Tarde de escombros, ocaso de pedra

Como ácido célico.


Apoteoses pálidas.

Desejo deserto.

Punam as sombras.

 

Anjos de antracito, divisei ao longe.

 

Era um anjo pendurado do tapete

próximo ao hálito

a jusante de ti

entre olheiras, após a pálpebra.

Ou enganchado num cadeado fino

junto à rede.

 

Era um anjo de palha e carne, talvez.