QUAL HORA DA MORTE AMÉM? Versão para impressão
Escrito por Administrator   

A hora da nossa morte sem amém.

Marias desgraçadas

misóginos em vitória e tesos.

Bendita jamais serás.

O fruto maldito vingará.

E o sol

jamais á ti se levantará.

 

Dos vórtices do sono

das mós da vigília, venho.

 

Cútis importa mais que alma.

 

Não há como ser

ante tamanha impiedade

e políticas assassinas.

 

Vade retro, Deus.